Minha lista de blogs

quinta-feira, 24 de julho de 2014

Brasil é "Um anão diplomático", diz porta-voz israelense

 
Yigal Palmor, porta voz de Israel



O governo de Israel criticou a postura do governo brasileiro de convocar o embaixador em Tel Aviv para consultas e a publicar duas notas, em uma semana, considerando inaceitável a escalada de violência entre Israel e Palestina. Nos textos, o Brasil "condena energicamente o uso desproporcional da força" por Israel, na Faixa de Gaza.

O Ministério das Relações Exteriores de Israel, por meio do porta-voz, Yigal Palmor, ressaltou que o país precisa de apoio dos seus aliados para combater o principal movimento fundamentalista na Palestina.


— Israel espera o apoio de seus amigos em sua luta contra o Hamas, que é reconhecido como uma organização terrorista por muitos países no mundo — disse o porta-voz. 

Jornais israelenses noticiaram críticas ainda mais duras feitas por Palmor. De acordo com o The Jerusalem Post, o porta-voz criticou a diplomacia brasileira:

— Essa é uma demonstração lamentável de por que o Brasil, um gigante econômico e cultural, continua a ser um anão diplomático.


O periódico ainda acrescenta que, de acordo com Palmor, o Brasil é um parceiro diplomático irrelevante, que cria mais problemas, em vez de contribuir com soluções.

O comunicado à imprensa, divulgado pelo governo israelense, ainda salienta o “desapontamento” do país diante da convocação do embaixador brasileiro. 

— Esta decisão não reflete o nível das relações entre os países e ignora o direito de Israel de se defender. Tais medidas não contribuem para promover a calma e a estabilidade na região — informa o texto.

Em nota publicada nesta quarta-feira, o Ministério de Relações Exteriores do Brasil reiterou seu chamado a um "imediato cessar-fogo" entre as partes. O Itamaraty explicou que, diante da gravidade da situação, votou favoravelmente à resolução do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, que condena a atual ofensiva militar de Israel na Faixa de Gaza e cria uma comissão internacional para investigar todas as violações e julgar os responsáveis.

A Confederação Israelita do Brasil (Conib) também reagiu:

— A Confederação Israelita do Brasil vem a público manifestar sua indignação com a nota divulgada pelo nosso Ministério das Relações Exteriores, na qual se evidencia a abordagem unilateral do conflito na Faixa de Gaza, ao criticar Israel e ignorar as ações do grupo terrorista Hamas — destaca o texto.


Fonte:  Zero Hora, Agência Brasil


-------------------------------------------------------------------------------------------


Prefiro que o Brasil seja considerado um "Anão diplomático" do que um colaborador de ASSASSINOS. 

Burgos Cãogrino


 


5 comentários:

Aldo Luiz Fonseca disse...

Já concluí, e repito aqui para clarear minha posição aos outros comentaristas e leitores, quanto a Palestina, Brasil ou qualquer outro povo - "todas as utopias humanitárias são parte do jogo escravagista milenar" para a dualidade que sustenta o conflito financiado pelos banqueiros donos e senhores das casas grandes desse e quiça de outros mundos. A escravização do "homem" pelo "homem" é milenar. Criam-se, "modernamente" os das casas grandes, ( leia-se quadrilhas de banqueiros e comparsas), problemas para oferecer soluções aos das perenes senzalas mundo afora. Agora querem a depopulação dessas senzalas (excessivas), vide Israhell exterminando os palestinos enquanto não chega nossa vez. Treinam seus exércitos e suas armas promovendo estes genocídios, negócio mais lucrativos até que outras "drogas" e religiões com as quais também negociam lucrativamente...
O resto é alienação das boçalizadas massas, a sempre última a saber, a televisão e os demais "mídias" é garantia de sua perene e azeitada ignorância (milenar esta manobra de sabotagem do saber). A cada vinte anos, acomodam as idéias de bestialidade e "iluminação" das "novas" gerações de escravos. Estamos a caminho da Guantánamo planetária do 4º REICH nazi sionista e ninguém está vendo. Ou não podem ou não querem?

Sinto muito, me perdoe, vos amo, sou grato.

Rogerio G. V. Pereira disse...

Subscrevo!

Fada do bosque disse...

Olá Burgos:

Veja este excepcional e assustador post.
Veja aí a Holanda metida pelo meio:

http://ourwisdomisfullofenigmas.wordpress.com/2014/07/22/mh370boeing777-mh17boeing777-boeing777mh370-mh17/

Fada do bosque disse...

Burgos, veja este "filme"

http://www.dn.pt/inicio/globo/interior.aspx?content_id=4044579&seccao=Europa
A Holanda de novo!

Um abraço meus amigos.

Anônimo disse...

Não muito diferente do conhecido ponto de vista do Sr. Aldo gostaria de acrescentar que esse povinho filho de jeová é o câncer da humanidade não existe lugar nesse planeta ou nesse universo onde essa "raça de víboras" coma JC os chamava que eles não esculhambem, é proprio dos parasitas e não adianta tentar o diálogo, pois eles têm um defeito genético gravíssimo que é o parasitismo misturado com degeneração.

Com todo o respeito que merece a mosca-verejeira eles conseguem superá-la, apenas para comparação, veja a descrição da mosca e veja se não dá para fazer uma analogia com os "benditos":

São moscas de grande tamanho, geralmente possuem uma coloração verde azulado metálico, possuem aparelhos bucais atrofiadas, o ovopositor não é visível; depositam os ovos nos tecidos vivos ou mortos de vertebrados ou substâncias orgânicas em decomposição. A larva é parasita obrigatório, mas os adultos são de vida livre.

Parasitas obrigatórios da pele de mamíferos quando na fase larvas, os adultos tem vida livre; causam no hospedeiro uma miíase, infecção parasitária devida à infestação dos tecidos ou cavidades do corpo por larvas de insetos.

José Carlos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...