Minha lista de blogs

sexta-feira, 11 de maio de 2012

A Paranóia dos EUA e os "Terroristas"


11/05/2012


Criança é obrigada a sair de avião por estar em 'lista de terroristas' nos EUA



Uma criança de 18 meses e seus pais foram obrigados a deixar um voo no aeroporto de Fort Lauderdale/Hollywood, na Flórida, com destino a Nova Jersey, porque a menina estava em uma lista de pessoas proibidas de viajar de avião nos EUA, segundo a emissora de TV "WSVN".


O casal disse ter ficado chocado, pois sua filha foi acusada de ser terrorista.

O casal contou que eles foram orientados a sair do avião. Após a mulher questionar a comissária de bordo, ele teria dito: "Bem, não é você ou seu marido, mas sua filha".

"É um absurdo", disse o pai da criança. "Não faz sentido. Por que uma criança de 18 meses de idade está nessa família", questionou.

"A situação toda foi bizarra. Não faz absolutamente nenhum sentido", disse a mãe da menina Riyanna.

O casal destacou que cerca de meia hora depois foi informado de que poderia embarcar, mas não recebeu nenhum pedido de desculpas.




29/04/2012 


Menina de quatro anos é confundida com terrorista e revistada em aeroporto


Uma menina de apenas quatro anos ficou aterrorizada no aeroporto de Wichita, no estado do Kansas, nos Estados Unidos, ao ser confundida com um terrorista pelos Agentes de Administração de Segurança nos Transportes (TSA), que teriam suspeitado da garota porque ela correu para abraçar sua avó, segundo informou a emissora "WBTV".

O fato virou publico após a mãe da menina, Michelle Brademeyer, ter relatado na rede social mais popular do mundo, o Facebook, que a sua filha tinha sido confundido com um terrorista durante a viagem ao Kansas para acompanhar o casamento do seu irmão.

"Quando a minha filha de quatro anos de idade percebeu sua avó, ela animadamente correu para lhe dar um abraço, como as crianças costumam fazer. Foi um contato breve, que durou alguns segundos", disse Michelle.

Porém, Michelle disse que os agentes da TSA que presenciaram a cena começaram a repreender a garotinha e dizer que ela teria que passar por uma revista corporal. Assustada com a situação, a criança de quatro anos acabou correndo dos agentes. Um dos agentes, que pediu para a filha de Michelle, insistia ao afirmar que já tinha visto uma "arma em um ursinho de pelúcia" e parecia convencido de que a garota estava escondendo algo."A suspeita não está cooperando", disse um dos agentes.

Irritada, Michelle desacreditou que a cena estava acontecendo. "A suspeita, é claro, era criança assustada. Eles trataram minha filha como se ela fosse um terrorista", afirmou a mãe da criança.




27/06/2010


Menina de seis anos integra lista de terroristas impedidos de voar


Apesar dos esforços da família, o nome da criança continua na lista do governo.


Uma menina de seis anos, do estado do Ohio, está a ser mantida «debaixo de olho» pelo governo federal. A família descobriu recentemente que Alyssa Thomas integra uma lista do departamento de Segurança de passageiros que «não podem voar», informa a «Fox».

«Ficámos chocados. Ela tem apenas seis anos e isto não é uma situação habitual», contou o pai, Santhosh Thomas.


O casal soube da lista durante uma viagem de Cleveland para Minneapolis, onde foram notificados por um elemento do aeroporto. A família quis saber o que poderiam fazer para remover a criança da lista e foram aconselhados a contactar o departamento de Segurança.

Alyssa recebeu uma carta do governo a dizer que a situação se mantém, no entanto, não confirmam nem desmentem qualquer informação que tenham sobre ela ou alguém com o mesmo nome.

«Ela faz viagens de avião desde que tem dois meses. Em Fevereiro, fomos ao México e não houve problemas», referiu o pai.

O programa de segurança em voos só está a decorrer desde Junho, sendo esse o motivo pelo qual a menina nunca teve problemas anteriormente. Um porta-voz da administração referiu que a «lista é uma medida importante de segurança para impedir indivíduos suspeitos de terrorismo de voar».




Abaixo imagem dos "Terroristas" 



 














3 comentários:

voz a 0 db disse...

Olá Burgos...

Sem dúvida que são terroristas... Já viste bem aquelas expressões de felicidade! Mas que porra é esta? Na América ninguém pode expressar "felicidade" têm que estar sempre em "terror" constante por causa da "segurança nacional"... E o que estas "crianças" fazem é sem dúvida um acto terrorista "Espalhar a alegria a quem as vê a sorrir!"

Abraço e festinhas

BURGOS disse...

É meu amigo Voz, basta sorrir e não ter medo.
A que ponto chega a paranóia, nem as crianças estão imune.

Um grande abraço meu amigo

Tibiriçá disse...

Os terroristas também já foram crianças, talvez seja para cortar o mal pela raíz.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...