Minha lista de blogs

quinta-feira, 22 de março de 2012

"NÓS AMAMOS O IRÃ": Israelenses criam campanha online para evitar guerra

Retirado do Blog do amigo Gilson Sampaio


Com mensagens pacíficas, iniciativa também obteve apoio de internautas iranianos

Um casal israelense iniciou uma campanha em defesa pela paz entre seu país e o Irã, pela internet, que acabou se tornando um sucesso não apenas entre seus compatriotas, mas também obteve apoio de internautas iranianos. A campanha pode ser encontrada na página Love and Peace, na rede social Facebook. Ela foi inicialmente postada no site israelovesiran.com , que saiu do ar após a publicação desta matéria.

O objetivo da iniciativa é evitar uma guerra entre os dois países, que tem forte desacordo em torno do programa nuclear iraniano. O governo israelense acredita que os persas estão desenvolvendo mísseis nucleares, com o objetivo de destruir. O governo de Teerã, por sua vez, nea a acusação e afirma que o programa tem fins pacíficos e civis.

Ronny Edry e sua esposa Michal Tamir, artistas gráficos de Tel Aviv, deram o pontapé na campanha no último sábado (17/03), publicando fotos deles ao lado de seus filhos com os dizeres, em inglês: "Iranianos: nós nunca iremos bombardear o seu país. Nós amamos vocês". A mensagem da foto ainda acrescentava a seguinte mensagem: "Ao povo iraniano, a todos os pais, mães, crianças, irmãos e irmãs, para ocorrer uma guerra entre nós, antes precisamos ter medo e odiar. Não tenho medo de vocês, não odeio vocês. Sequer conheço vocês. Nenhum iraniano jamais me fez mal algum".

Em poucos dias, a campanha ganhou adesão de milhares de israelenses, que colocaram fotos com outras mensagens de teor pacífico.

O apelo pela paz encontrou eco também em usuários iranianos. Uma das mensagens mais destacadas no Facebook foi da iraniana Pirmadtanha Abdan, que escreveu: “Sou iraniana e amo todas as pessoas, não importando sua origem; tudo o que desejamos é paz, esperemos que nossos políticos entendam isso”.

Motivos

Em entrevista ao jornal Haaretz, Edry afirmou que sabia que sua mensagem teria repercussão entre iranianos, mas não esperava que ecoasse tão rápido e com tanta força. “Na minha página do Facebook, tenho amigos de esquerda que sempre pensam o mesmo; todos concordam comigo. De vez em quando aparece alguém de direita me dizendo que o que estamos fazendo é constrangedor. Mas eu nunca conversei com um iraniano”.




Fonte: Gilson Sampaio, Ópera Mundi, youtube


3 comentários:

P. P. P. disse...

Seria cômico, se não fosse ridículo.

Sugeriria a eles que se dirigissem aos seus ministros e deputados ou aos seus militares.

Porém não com essas mensagens insípidas e sim com protestos em massa nas ruas.

Abraços.

FERNANDO FRANCO disse...

A WEB é um ambiente propício para vitalizar as campanhas em nível mundial. Com essa bela iniciativa, o povo de todo o planeta vai conseguindo dissipar essa nuvem negra de guerra que ronda os 2 países. Ninguém aguenta mais guerra. O povo está aprendendo que quem ganha com a guerra não são seus filhos enviados como soldados, mas os banqueiros da NOM, investidores de armas, a Big Farma e as grandes construtoras de prédios e pontes. Se não podem ir às ruas protestar, porque vai ter quebra-pau (opressão por parte dos policiais, mandados pelos políticos e "bancados" pelos mesmos banqueiros acima), então que usem a informação, tão poderosa nesse tempos modernos. Como eu falei lá no blog da GUERRA SILENCIOSA, vamos cansando de ver que, como peixes, não podemos mais defecar no aquário que nós todos vivemos e respiramos. Guerra está se tornando burrice! Um tiro no pé. Nos dois pés. Abração!

BURGOS disse...

PPP e Fernando

Estou em dúvida, se isso é um manifesto verdadeiro ou um golpe de publicidade, mas espero sinceramente que seja o começo de uma conscientização verdadeira, coisa que infelizmente eu duvido quando a iniciativa vem de um país que está acostumado a violentar a Palestina.

Um grande abraço meus amigos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...